Amostra: Base Le Teint Touche Éclat, YSL

Le Teint Touche Eclat YSL | NND.144

 

Ainda laaaaaá na Alemanha, fiz uma compra na Douglas e ganhei uma amostrinha dessa base, Le Teint Touche Éclat da Yves Saint Laurent, na cor BR50. Pelo folder que ganhei, pude ver que existem cores para o fundo rosado, amarelo e neutro.

Segundo a Sephora:

Yves Saint Laurent apresenta LE TEINT TOUCHE ÉCLAT, uma base de tecnologia inovadora, que proporciona luminosidade mágica para todo o rosto. Uma fórmula única e luxuosa, que atinge as áreas de sombra e realça os contornos. Sua textura é leve como o ar.
Sua fórmula, livre de partículas opacas, iguala a pele, encobre imperfeições e realça a beleza natural. Com Le Teint Touche Éclat, sua pele fica com um aspecto mais natural, radiante, sofisticado, mais Yves Saint Laurent. Le Teint Touche Éclat lança uma luz sob medida para todas as mulheres Saint Laurent do mundo. A pele e a luz se fundem para uma aparência perfeita.

Le Teint Touche Eclat YSL | NND.145

A cor é mais escura do que a minha e é a Beige Rosé 50. A textura é bem líquida e a cobertura… Le Teint Touche Eclat YSL | NND.002

Lembre de clicar na imagem para ver ela em tamanho grande…

Parece boa, não é? Ela é mesmo boa, porém, notei que por ser mais escura que minha pele, o que não parece tanto na imagem, ela passou a impressão de cobrir mais do que realmente cobre. Mais ou menos naquele efeito pele bronzeada, sabe? Parece que quando estamos bronzeadas precisamos de menos cobertura porque a pele já fica um tanto uniformizada, fazendo com que as manchas e vermelhidões apareçam menos. Mas eu ainda noto resquícios da vermelhidão ao redor do nariz.

Eu gostei do acabamento: não matte mas também não tão brilhoso quanto eu esperaria após ler a descrição. No entanto, eu não achei que tenha ficado com pele de rhyca. Sabe como todas as blogueiras dizem que as bases x, y e z deixam a pele com cara de rica? Então! Hahaha. Não me olhei no espelho e senti meu bolso cheio de dinheiro. Talvez seja devido a ter usado uma amostra, né?! Hahahah.

A amostra era daquelas de sachê e bem pequena, menos de 1ml talvez! Mas deu para cobrir o rosto todo e ainda sobrou para mais uma aplicação. A maquiagem “pós Natal” eu fiz com essa base e gostei do resultado. Fiquei umas três horas com ela e não vi diferença na maquiagem. Não posso afirmar como ela se comportaria ao longo de uma dia inteiro.

De forma geral, achei muito legal o produto e tal, mas não me achei a cara da riqueza. 😦

Você encontra a versão padrão à venda no site da Sephora.

perfecthairday20150122-1

Rouge pur Couture Vernis à Lèvres – YSL

Aproveitei aquela noite de loucura da Sephora e arrematei três dessas belezinhas para viver lindamente em meu material de maquiagem – agora que faço o curso de maquiadora, chama-se material e não coleção! Haha.
Falando nisso, viram as promoções da semana Black Friday na Sephora? Os preços da Urban Decay estavam tentadores, hein? Me segurei!

Quanto aos adquiridos da vez…

YSL.109

O que a Sephora diz sobre o produto:

…a aliança entre a longa duração da cor e brilho nunca visto antes. Textura inovadora que proporciona conforto extremo e sensação de leveza. Inspira mulheres a ousar no gloss de cores ultra vibrantes que finalmente dura nos lábios.

Abaixo, um swatch das três cores e duas delas nos lábios…
Passei com pincel para lábios e fiquei com preguiça de passar a terceira… Haha.

YSL

O que eu achei? Gostei muito das cores, mas achei gosmentinho… Talvez valha a pena tirar um pouco de produto para que fique menos pegajoso, como ocorre com outros batons líquidos no mercado. Também, eu não gosto de aroma de framboesa e imagine se as três tonalidades não tem aroma de framboesa. Blergh! Que azar o meu!

Falando em azar, estou impossibilitada de aproximar qualquer coisa do meu olho direito.  A menos que seja colírio. Nunca me aconteceu uma coisa dessas, mas, claro, tinha que acontecer quando a pessoa resolve fazer um curso profissinalizante de maquiador… Murphy está aqui do meu lado e mandou lembranças! Vou tentar fazer umas makes no olho “bom” enquanto isso.

🙂grav