Receita: Cookies de Três Ingedientes – amendoim, aveia e mel. [3-Ingredient Cookies]

[Scroll down for English!]

Olha só… Não rende maquiagem, mas rende comida! 😛

Eu sempre fui adepta de receitas fáceis, mas agora elas viraram um estilo de vida! Haha.

Comprei eu, esses dias, um creme de amendoim porque adoro manteiga de amendoim e aqui no Sul é muito difícil de achar. Quando encontrei esse creme pensei: “Isso é o mais perto que consigo chegar”. O creme, que mais parece paçoquinha cremosa, se chama AmendoPower e é da marca Da Colônia, muito conhecida por aqui por suas rapaduras. Não é manteiga de amendoim, mas como disse, é o mais perto.

[Caso você prefira, faça você mesmo! Aqui tem receita de Manteiga de Amendoim!]

A receita clássica de cookies de manteiga de amendoim já não é difícil, mas, só de pensar em bater manteiga com açúcar… Bem, eu poderia fazer coisa melhores com meu tempo! Então, procurei umas receitas no Pinterest, algumas com viés fit, e acabei criando esta receita de Cookies de Amendoim, Aveia e Mel, com base em outras disponíveis, mas não tão fáceis.

IMG_20160905_112304337

Então vamos ao que interessa?!

Ingredientes:

1/4 xíc. de manteiga/creme/pasta de amendoim
1/4 xíc. de aveia em flocos finos
2 colheres de sopa de mel (aposto que também fica bom com melado…)
Aveia em flocos para enfeitar – opcional

Modo de Fazer:

Em um recipiente de tamanho apropriado, misture tudo até ficar homogêneo. Separe a quantidade de uma colher de sobremesa (ou de chá, cheia), faça bolinhas e coloque na forma untada ou forrada com papel manteiga. Achate a bolinha com a parte de trás da colher e coloque os flocos de aveia para enfeitar. Leve em forno preaquecido a 180 graus por 15 minutos ou até dourar (mais ou menos, vai depender do seu forno).

Pronto. Só isso!

Ele fica com uma textura crocante mas ainda macia…

IMG_20160905_112547182

Se inspire e faça, porque vale o (pouco) tempo… Com um chá fica mais gostoso ainda! 😀

Sephora_Australian Gold está de volta à Sephora - Produtos a partir de R$ 45

P.s.: Mais receitas? Pé de Moleque de Leite Condensado; Barra de Cereal de Coco, Damasco e Amêndoas.

Peanut Butter, Honey and Oatmeal Cookies

This 3-Ingredient Cookies are easy, egg, dairy and flour free! You can even make them gluten free by using a gluten free oat variation…

The ingredients are as above: peanut butter, honey and oatmeal!
1/4 cup peanut butter
1/4 cup oatmeal
2 TBSP of honey

Mix it all and scoop about a tablespoon of batch in a cooking sheet or parchment paper, flat them with a fork as you would with a regular PB cookie, sprinkle some old fashioned oats for decoration and bake at 350F for about 15 minutes or until golden brown!

Could it be any easier? I don’t think so. But if you manage to make it easier, let me know!

🙂

Bolo de Caneca com Cobertura

Segunda-feira à tarde deu aquela vontade de comer um doce, principalmente após ter passado o domingo em família o que significa ter açúcar saindo pelas orelhas… Meu problema é que não considero chocolate um doce. É estranho, eu sei, mas chocolate é chocolate. Doces são quindins, mousses, tortas…

Foi então que lembrei dos tais bolos de caneca!

Procurei por receitas no Pinterest (<3) e achei algumas. Escolhi a com “melhor cara” e fui ser feliz!

Confira a receita (adaptada da original)!

Ingredientes:

5 colheres de sopa de farinha de trigo
4 colheres de sopa de açúcar
2 colheres de chá de cacau em pó – se usar chocolate em pó, coloque 3 colheres.
1/4 de colher de chá de bicarbonato de sódio
Uma pitada de sal
1/2 colher de chá de vinagre branco
1/4 de colher de chá de baunilha
2 colheres de chá de óleo
4 colheres de sopa de água
20g de chocolate em barra ou qualquer chocolate de sua preferência- usei menos, por isso indico mais!!!

Para fazer:

Misture os ingredientes secos em uma caneca grande que vá no microondas. Após misturados, faça três aberturas na mistura e despeje em cada uma delas o vinagre, o óleo e a baunilha. Por fim, adicione a água e mexa tudo até ficar homogêneo. Estando todos os ingredientes misturados, corte o chocolate e largue por cima – afinal, bolo tem que ter cobertura!

Coloque no microondas em potência máxima por 1 minuto. Cheque para ver como está. Teste com um palito! Caso esteja ainda cru, deixe mais 20 segundos. Se continuar cru, vá adicionando de dez em dez segundos. O tempo varia de acordo com a potência do seu microondas. O meu é bastante fraco e ainda assim com 1:40m ele passou do ponto que eu desejava. Eu queria um ponto mais mole, como se não tivesse ficado 100% cozido, mas cozinhou por completo. Então, o tempo também varia com a sua preferência!

 Bolo de Caneca com Cobertura | NND
 P.S.: Mais receitas de bolinhos? Cupcake de Torta de Limão; Muffin de Mirtilo.
20150812_6amostras
kit_mmbb

Opções de Presentes de Natal DIY

Se você, como eu, algumas vezes se perde no tempo e acabou por não comprar os presentes de Natal até agora, faça seu presentes você mesmo! Isso aí: Natal DIY!

Fazer presentes está muito na moda e, dependendo da escolha, você pode economizar uma graninha! Como meu negócio é ou maquiagem ou comida, e eu não sei como poderia fazer minha própria maquiagem (mas deve ter por aí…), separei algumas idéias simples que podem servir como bons presentes, cheios de amor, para seus amigos (secretos ou não) se deliciarem no dia 25!

Presentes DIY.196

1. Mini cesta de café da manhã: pão caseiro + manteiga/doce + café solúvel ou achocolatado.

Não seria demais você dar de presente o café da manhã do dia 25? Seja para sua avó, tia, ou pra amiga baladeira que vai acordar às 13h do dia 25 com a cabeça estourando e morrendo de fome!
Algumas receitas que indico seriam a de pão batido, por ser fácil, pão de fibras, que é mais saudável e cai bem para as titias, ou uma receita com toque de rykeza, como a de pão com vinhomanteiga temperada ou manteiga de amendoim (ou de avelã…). Para montar basta um vidro reutilizável com a tampa pintada, um potinho ou saquinho com café, plástico filme, papel vegetal, uma fitinha e uma cestinha ou similar!

2. Cupcake desconstruído: cupcakes de qualquer sabor + cobertura

Esse é um amor! É claro que você poderia fazer cupcakes e colocar em uma embalagem bonita, mas a idéia de cupcakes desconstruídos é muito mais legal! Hahaha. Você precisa apenas de uma receita de cupcake, como essa, vidro reutilizável com a tampa pintada e fitinhas! Monte colocando o cupcake “quebrado” seguido de uma camada de cobertura. Se quiser usar recheio, intercale camadas!

3. Café da manhã DIY: mix de panquecas americanas integrais

Com essa opção a pessoa vai ter que por a mão na massa! Cabe a você misturar todos os ingredientes secos, colocá-los num pode bonito (vale aqui também os vidros reutilizáveis e as latas) e indicar os ingredientes que devem ser adicionados, como ovos e leite, e como fazer! Esse é ideal para quem curte cozinhar para a família!

4. Brownie de Natal: brownie (DIY ou mistura pronta) + glacê real colorido

Esse é um amor! Se você optar por fazer com mistura pronta – Fleishmann e Betty Crocker/Yoki são muito boas – só terá um pouco de trabalho com a decoração. Caso você opte por fazer o glacê, aqui tem uma receita. No entanto, lojas que vendem produtos para confeitaria costumam ter a mistura pronta, precisando apenas de corante alimentício. O glacê também fica lindo em biscoitos, mas o brownie é mais rápido de fazer! Haha. Você só precisa cortar ele em retângulos, decorar, colocar em um saquinho com uma fitinha e pronto!

5. Cesta de muffins: muffins de qualquer sabor!

Nada é mais americano que presentear com uma cesta de muffins! Além de ser fácil, não precisa de muito: muffins, papel vegetal e uma cesta! Indico minha receita de muffins de mirtilo que é vapt-vupt!

6. Barras de cereais: barrinhas de cereais e só!

Essa é para os saudáveis de plantão! Tudo que você precisa é de uma receita que lhe agrade, papel vegetal e fitinhas! A variedade é tanta que você pode escolher se quer receitas que vão ao forno ou não! Eu sugiro essa receita com coco, damasco e amêndoa. O leite condesado faz toda a diferença! 😉

Essas são apenas algumas de muitas opções! Você pode também dar uma caixinha com brigadeiros gourmet, bombons feitos a partir de bolo, kits temáticos como de caipirinha (garrafinha de cachaça + limões + açúcar) e por aí vai! A lista é grande, só é preciso de um pouco de imaginação!

Inspire-se e DIY!

 sombra20141219

Dica de Cozinha: macarrão de uma panela só!

Há tempos eu havia visto posts com esse título no Pinterest, mas nunca me interessei em fazer. Pois foi em um dia de preguiça extrema que resolvi dar uma chance. Havia sobrado duas sobre-coxas de frango da refeição anterior e então resolvi usá-las no experimento.

A idéia é simples: você coloca em uma só panela o macarrão, o molho, os temperos e o que mais quiser adicionar, adiciona 250ml de água aproximadamente para casa 100g de macarrão e deixa a mágica acontecer! Como eu gosto de molho, usei 300ml de molho de tomate pronto para essa refeição para dois. Para mostrar o passo a passo, criei um GIF. Confere aí:

Almoço de uma panela só

Como o macarrão era longo demais para a panela, cortei na metade. Usei a variedade integral pois é praticamente a única que tenho em casa há um ano. A escolha do tipo de macarrão é importante, pois é ele que decidirá se sua massa ficará boa ou não. Eu vi receitas com spaghetti, fettuccine, penne, farfale… Acredito que todas essas massas “mais finas” e separadinhas… Tentei fazer novamente usando aquelas massas caseiras em ninho e vou uma decepção pois ela não só cozinhou de forma desigual, como se partiu todas assim que mexi na panela. Então, não arrisque e siga nas tradicionais não caseiras!

Embora eu tenha colocado os ingredientes de forma a tirar a foto e mostrar todos, o ideal é você colocar a massa primeiro, seguida do molho e da água (preferencialmente já misturar o molho e a água antes de colocar na panela), os temperos e os demais ingredientes. Dê uma leve mexida na panela apenas segurando pelas alças e deixe em fogo algo até abrir fervura. Baixe o fogo e deixe coberto por cinco minutos. A partir de então, mexa periodicamente na panela a fim de não deixar que a massa grude no fundo e teste o ponto do macarrão. Se o molho estiver muito aguado e o macarrão estiver quase no ponto que você gosta, aumente o fogo e deixe destampado para que a água evapore e o molho engrosse. Caso o seu molho esteja secando e seu macarrão ainda não esteja no ponto, coloque um pouco mais de água para que o macarrão cozinhe por mais algum tempo. Eu gosto de MUITO molho, na verdade eu gosto de molho com massa e não massa com molho… Então, quando ainda estava bem molhadinho e o macarrão perfeitamente al dente, desliguei o fogo e coloquei o queijo ralado que se fundiu ao molho e ficou uma maravilha! Eu jamais havia conseguido deixar o macarrão no ponto que eu gosto (aquele ponto em que está cozido, mas firme) até fazer esse prato. Estou maravilhada!

Isso realmente revolucionou a maneira de fazer macarrão para mim. Eu AMO massas, mas não gosto da quantidade de panelas que precisava utilizar, ainda mais aquela espagueteira gigantesca que ocupava um espaço enorme no escorredor de louças – eu não seco louças pois lavar já é castigo suficiente!

Fique atento aos seguintes detalhes:
1. Caso não esteja usando molho industrial, adicione azeite na sua preparação. Os molhos industriais tem bastante gordura e isso ajuda a manter o macarrão solto.
2. Lembre-se de não se aventurar nas massas caseiras…
3. Fiz este teste com massas recheadas, como raviolli, e também funcionou. Tudo depende do quão bem envolvida está sua massa pelo molho…

Se aventurem e me contem!

😉

Bala de Gelatina

Como contornar a vontade de comer porcaria? Enganando o cérebro!

Tentativa 1:

Balas de Gelatina
(adaptada do blog 2beauty) 

Ingredientes:

1 pacote da gelatina diet (usei de maracujá, mas pode ser do sabor que você mais gosta)
1 pacote da gelatina sem sabor (incolor ou vermelho, quando usar gelatina de morango, por exemplo)
2/3 xícara de água (ou 1/3 se quiser que a bala seja bem dura)

Modo de fazer:

Misturar os ingredientes em uma panela e deixar parado por 3 minutos – atente ao tempo pois a gelatina começa a endurecer, mas é contornável… Levar ao fogo baixo misturando os ingredientes até desaparecerem qualquer grumos e ficar homogêneo e líquido. Despejar em forminhas de gelo, ou próprias para balas.

Usando 2/3 xíc. de água consegui fazer 12 balas de 10 x 1 x 1cm, ficando 10kcal cada. Também fiz em forminhas de gelo quadradas e ficou bem legal!

Calorias totais da receita: 120

BalaGelatina.083

É um pouquinho estranho, mas acostuma!

🙂

grav

Horta em casa!

Oiii!

Que blog maluco, né? Um dia fala de maquiagem, outro fala de horta! Hahaha! A idéia é essa: mostrar as coisas que eu gosto. 😛

Então, eu gosto de cozinhar. E eu gosto de tempero. Muito tempero!
Logo que comecei a pegar gosto pela cozinha e ver que tenho sucesso nos pratos que invento/copio/transformo, comecei a me incomodar com aquele monte de confete que tinha na cozinha da minha mãe. Confete = temperos secos/desidratados (depois que vi o carinha do Mitos Culinários chamar aquilo de confete, nunca mais olhei para os temperos da mesma maneira…). Meu pai mantém um pé de manjericão e um de salsinha e, ocasionalmente, uma hortelã e uma cebolinha. Porém, meu negócio é com alecrim. Adoro alecrim! Comprei uma muda uma vez, mas não deu certo… Quando me mudei vi a possibilidade de ter uma mini horta ainda que em um mini apartamento. Era a vez de ter meu alecrim, entre outras possibilidades.

Comecei a pesquisar e ver as coisas legais que tem pela web. O Pinterest se tornou meu melhor amigo, ainda mais na época que  excluí a conta do Facebook… Então, isso foi o que encontrei e tanto planejei:

horrta.077

Até compramos as madeiras para fazer este que está a esquerda da imagem, mas a realidade é outra. Você começa a ver o quão trabalhoso é armar um esquema legal e acaba se entregando aos potinhos que você encontra no mercado!

horrta.076

Assim, usamos a madeira previamente comprada para fazer uma extensão na janela e pronto! Cá estão minhas ervinhas!

Inicialmente eram as seguintes mudas: hortelã, manjericão, manjericão do tipo basílico, tomilho, alecrim e salsa. Logo a hortelã ficou tomada de insetinhos brancos minúsculos que eram impossíveis de tirar da folha e teve de ser eliminada. Plantamos uma muda de cebolinha no lugar. Foi então que chegou o inverno e matou nosso manjericão e nossa cebolinha. Acabamos por comprar sementes de cebolinha que geraram esses fios verdes no primeiro vaso, próximo a parede. Veremos o que acontecerá!

As plantas não precisam de muito, apenas água e umas folhas secas ou até uma erva de chimarrão de vez em quando. A montagem é facílima e é possível encontrar tudo que se precisa no mercado: vaso, terra com fertilizante e sementes ou mudas. Nos vasos que não tem drenagem é legal colocar pedras antes de por a terra para água não encharcar a planta.

Encontrei duas imagens que ilustram como arranjar os itens nos potes. É só clicar aqui e aqui.

Eu aconselho fortemente que todos que cozinhem tentem ter um cantinho com três temperos frescos que possa usar. O sabor do prato com tempero fresco é muito melhor que com confete, e o custo de manter uma hortinha é bem menor do que comprar o pacote do tempero no mercado que, na minha realidade, acaba sendo jogado fora por não conseguir consumir no tempo certo!

#ficaadica

🙂grav