Micropigmentação de Sobrancelhas

Reza pra subir o post…

Oie!

Aviso de antemão que o post de hoje apresenta conteúdo inadequado para aqueles de coração fraco, pois as imagens são assustadoras! Haha.

Brincadeira a parte, a micropigmentação das sobrancelhas me deu nova vida.

A micropigmentação é como uma tatuagem, mas não atinge camadas tão profundas da pele, podendo durar de oito meses até dois anos. Assim, não é definitivo, ou seja, há esperanças se algo der errado! Hahaha.

Vou contar a história para vocês. Acompanhem a história com as imagens…

wpid-sobrancelha.152.jpg

Ao longo dos anos, minha sobrancelha teve variações em sua largura. Bastante comum, pois quando começamos a usar a pinça, tendemos a ser mais conservadoras, acredito eu, até chegar na primeira foto (A.). No final de 2009, eu realmente notei que minhas sobrancelhas era assimétricas, como da grande maioria das pessoas, mas resolvi tentar arrumá-las eu mesma. Quando me formei (B.),  no início de 2010, acabei me passando com a pinça e tirei um pouco mais do que deveria da minha sobrancelha. Em março do mesmo ano não agüentei as sobrancelhas tão finas e resolvi deixar crescer, o qual é um processo difícil (C.). Ela cresceu e, ao final de 2010, eu a mantinha em espessura média (D.), mas logo comecei a notar uma falha, que já poderia ser identificada na imagem A., de 2009. Na verdade, nessa foto eu já preenchia a falha… O tempo foi passando e a falha foi aumentando. Começou a aparecer na outra sobrancelha, onde também aumentou. Em outubro de 2011(E.) eu já não conseguia sair de casa sem preenchê-las com lápis. Em algum momento logo após esta imagem E., eu simplesmente acordei se sobrancelhas. Sim. Assim mesmo. Acordei, me olhei no espelho e levei um grande susto, pois grande parte de ambas havia desaparecido.

Foi um ano inteiro de tentativas, erros e acertos no momento de preencher as falhas, no caso, a MEGA falta de pelos. Eu pesquisei muito no Sr. Google sobre sobrancelhas e me convenci que voltariam a nascer, já que o ciclo dos pelos da sobrancelhas tem duração de quatro anos e eu testei vários produtos para estimular o crescimento… Não queria de nenhuma maneira ter de tatuar, pois sempre me vinha aquela imagem de velhinhas com sobrancelhas vermelhas! Então segui aprimorando a técnica de preenchimento até o ponto de fazê-la em cinco minutos com um bom resultado (F.).  Me acertei bem com o lápis de olho da AVON, aquele bem baratinho, juntamente com o duos para sobrancelhas da Contém 1g, que era realmente perfeito! Nesse momento, perdi minha necessaire na chegada a  Nova York, contendo o precioso duo da Contém 1g (precioso porque é bom e caro!!!) e passei quatro dias de muita tristeza e testes. Minhas fotos todas ficaram péssimas! Mas lá encontrei um produto para sobrancelhas da Milani com o qual me acertei, e é ele que uso na foto F., juntamente com o lápis padrinho da AVON.

Passei o verão de 2012 quase sem ir até a praia, devido a dissertação de mestrado e os estudos do meu noivo, então não notei o problema de não ter sobrancelhas a prova de água. Mas em 2013, fui à praia e evitei o mar. Quando passei vergonha em ir para a praia com óculos escuros e sem sobracelhas, pois havia esquecido de preenchê-las, me convenci que o problema tinha que ser resolvido. Então, em março de 2013, me rendi à micropigmentação.

Na imagem abaixo, fotos do antes, depois e etc.

Micropigmentação de sobrancelhas - Porto Alegre | NND

1. Sim. Eu disse que não tinha sobrancelhas, minha gente! não é incrível como eu deixava ela lindinha como na foto F.? Quando fui comprar o duo na Contém a moça não acreditou que eu não tinha pelos e tirou para me mostrar o duo. Nem preciso dizer o quanto ela ficou assustada com a minha situação…

2. Este foi o final do processo da micropigmentação. Passei uma semana aplicando pomada e sem sair de casa. não é necessário, apenas sou dramática. Formou uma casca, como em tatuagens, a qual caiu.

3. Este foi o resultado após um mês. É possível notar o quão natural parece. O fato de eu ter alguns pelos disfarça a falta dos demais. Eu queria fazer a tal sobrancelha 3D, no qual o desenho acrescenta a idéia de pelos, mas a Sandra, da  Renovaface, em Porto Alegre, disse que não seria necessário. Ficou tão bom que muitas pessoas elogiam minhas sobrancelhas e quando eu falo que fiz a micro, elas ficam surpresas por acharem parecer muito natural.

4. Hoje, uma ano depois, o desenho está mais apagado. Foi muito difícil fazer com que a tinta “pegasse” na minha pele. A Sandra teve de passar várias vezes a máquina no mesmo ponto. Assim, acho bastante natural que ela saia com uma certa rapidez.

5. Agora, estou com o costume de dar uma reforçada no desenho, pois noto que realça os olhos. Então, acabo usando ou sombra marrom de tom frio, ou um lápis para sobrancelha da Maybelline, comprado (e odiado) naqueles dias em Nova York. Hoje, ele me quebra o galho!

 Informações relevantes nessa história:

O procedimento me custou, na época, R$200. Algumas pessoas argumentaram ter sido caro, mas eu não posso achar caro este valor para algo que vai ser visto todos os dias, não só por mim mas por todos aqueles que me vêem. Além disso, me tirou o fardo de ter que lembrar de preencher as sobrancelhas todos os dias. Vocês não imaginam quantas vezes eu parava no meio da rua pensando “Será que eu tô de sobrancelha?”. Sim, porque ela já havia virado um acessório! Quando, antes de sair, me perguntavam se estava pronta, eu responda “Falta a sobrancelha!”. Haha. Realmente me devolveu autoestima.

Vocês já conseguem imaginar o quanto meu noivo me ama, né? Todo dia eu chegava em casa, lavava o rosto e elas iam, literalmente, pelo cano! Então, ele me via assim como na imagem 1. Esse é guerreiro!

 Sim, eu consultei médicos! Em 2008, o endocrinologista suspeitou de alteração na tireóide e pediu exames. Tinha mesmo uma leve alteração, mas não pareceu se preocupar. Como eu vou em médico muito raramente, já viu, né?! Em 2011, consultando outro médico, descobri que tenho deficiência na tireóide e que esta é devido ao fato de que meus anticorpos não reconhecem minha tireóide e querem acabar com ela!!! Se chama doença de Hashimoto, um hipotireoidismo auto-imune. A solução é tomar hormônio T4 por toda a vida. Segundo o médico, embora a doença possa resultar na perda de pêlos, o meu caso não seria tão crítico. Já a dermatologista me disse que é possível que isso seja Alopecia areata, também auto-imune, uma vez que uma doença auto-imune pode levar a outras. Sendo ou não, a verdade é que minhas sobrancelhas jamais voltarão ao que um dia foram e eu já aceitei este fato.

Minha dica: cuidem de suas sobrancelhas, pois elas são únicas! Haha.

Gente, nem acredito que esse post finalmente será publicado! Faz mais de semana que está pronto! ❤
Mas ainda não tenho internet…

P.s.: hoje, em final de dezembro de 2014, a micropigmentação já saiu bastante mas ainda consigo sair na rua sem ninguém estranhar minha sobrancelha. Na verdade, ainda dizem que ela é bonita. Não sei se o produto sairá por completo, mas com quase dois anos do processo, ainda está ok!

Anúncios

6 respostas em “Micropigmentação de Sobrancelhas

  1. Tudo bem?! Queria saber se o resultado final de um mês foi antes ou depois de fazer o retoque! Eu fiz a dermo tem uma semaninha e clareou muuuuuito!!! Ficou quase nada. Ainda não fiz o retoque e tenho medo de ficar muito claro e aparecer os pêlos (meus pêlos são bem pretinho)

    Curtir

  2. oi , eu fiz tem um dia e estou desesperada! Quase como vc tipo n vou sair de casa pq o negocio fica muito marcado, muito preto e todo mundo sabe que vc fez alguma coisa! Estou desesperada

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s